Sexta-feira, 4 de Abril de 2008

Kiss me...

Se um beijo fosse algo feito apenas com os lábios, qualquer um o faria, sem sequer pensar mais nisso. Creio que há quem o faça assim, infelizmente.

Um beijo dá-se, acredito eu, com tudo. São os lábios que se tocam, mas antes disso tem que existir uma força incontrolável que empurra os lábios adiante, como se fosse essa força dentro do corpo que deseja ardentemente tocar o objecto beijado. O melhor beijo será sempre aquele que se dá com o peito encostado ao peito do outro. Muitas vezes, este mesmo acto basta. Peitos a tocarem-se, batimentos cardíacos o mais próximo possível e um longo olhar que tentará sempre perfurar a alma do outro. Respire-se fundo, traga-se o perfume da pessoa à nossa frente para dentro de nós, misturemo-nos, existamos dentro e fora um do outro, à volta um do outro. E pontue-se essa frase de sujeitos e predicados com o beijo. Mãos nas costas, abraço forte, novo respirar fundo. Termine-se com um "Tem um bom dia." e um sorriso e temos a composição daquilo que torna qualquer dia cinzento e nublado num desejo de agarrar o mundo pelos colarinhos e beijá-lo até à exaustão...

publicado por Luís às 09:49
ligação | comentar
1 comentário:
De impressoesdigitais a 4 de Abril de 2008 às 22:57
Lindo. :) E quando um beijo suaviza, atenua e dissipa as nuvens de um dia mau?


Comentar post

Março 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

29
30
31


Pesquisar

 

Arquivos

Março 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Maio 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Artigos recentes

assim a modos que daquela...

coisas em que não se pens...

também é verdade

os anéis no céu

P.A.C. Man

no trabalho

emoções

à procura...

#1

intenções

RSS

:.