Sábado, 7 de Junho de 2008

Eurico

Parece que é hoje então que começa isso do Europeu de Futebol, com Portugal representado por vinte e três "heróis" - entre aspas deve ser lido naquele tom irónico que funciona tão bem quando falado - em urgente necessidade de aulas de dicção e gramática. O Europeu reserva-me um igual nível de atenção ao daquelas moscas que ficam feitas parvas a bater contra o vidro porque querem passar para o outro lado, e quando finalmente lhes abro a janela, fogem para dentro da casa. Há ali um zumbido constante a dar-me cabo da cabeça, mas é escusado dar-lhe atenção. Recordo que outros vinte e três "magníficos" meteram-se no caso Saltillo, no caso Paula, protagonizaram alguns bonitos casos de fair play, e conseguem ainda ter uma das mais baixas equipas de marketing de toda a História, do Desporto ou não. Este ano lá perceberam que vermelho e verde são péssimas cores para se combinarem e optaram pelo rubro a cem porcento, mas em compensação continuam a escavar depois de terem batido no fundo no que toca a encontrar nomes para os vinte e três "fantásticos" -  agora os "Viriatos", depois de já terem passado pelos "Tugas" e pelos "Kinas".

 

É que no que toca ao futebol, a Selecção desperta-me o mesmo interesse que o basquete, o volei, o râguebi ou o atletismo, aquele tipo de interesse que se vê a passar em rodapé no Telejornal antes do jantar e se pensa que epá, e tal, sim senhor, estiveram bem, será que o arroz já abriu?, e tal, só que é muito mais difícil driblar a malta do futebol. Ó, se é! Se eu tivesse a ideia de o Obikwelu ser assim um gajo que até se ajeita a correr, ninguém me apontava nada, mas se por acaso acontece não saber quem são os adversários de Portugal no Europeu, pois é!, que sou anti-patriota!, não quero saber do país!, a Selecção é de todos nós!, é por causa de gente como eu que o país está como está! Que gentinha esta, hã?

 

Vou é ficar muito desapontado com o Sócrates se não aproveitar as próximas duas semanas para lançar as reformas mais intricadas e impopulares de todo o mandato. Com o histerismo delírio à volta dos vinte e três "soberbos" nos próximos tempos, o Governo até pode decretar semanas de trabalho de oitenta horas e a extinção da Segurança Social que ninguém irá levantar uma sobrancelha. Fique atento a isso, engenheiro!

 

Etiqueta:
publicado por Rui às 17:15
ligação | comentar
1 comentário:
De Nuno a 26 de Junho de 2008 às 00:50
O Kinas era a mascote do Euro2004. Diminutivo de Traquinas... Imagina se usassem a outra parte da palavra:

Teríamos o Traque!


Comentar post

Março 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

29
30
31


Pesquisar

 

Arquivos

Março 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Maio 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Artigos recentes

assim a modos que daquela...

coisas em que não se pens...

também é verdade

os anéis no céu

P.A.C. Man

no trabalho

emoções

à procura...

#1

intenções

RSS

:.